terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Salmos 23 - Cid Moreira

LOUVADO SEJA O SANTO E BENDITO NOME DO SENHOR MEU DEUS!!!!

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

Lembramos dos 26 anos de Passamento em 24 de Janeiro de 2014 do Lendário chefe ALCIDES GABRIEL BRANCO

Em 24 de Janeiro de 1988 , o nosso Lendário e querida amigo e chefe " ALCIDES GABRIEL BRANCO " estará completando 26 anos do seu passamento, a exatos 26 anos atrás ,na oportunidade o nosso lendário Chefe Gabriel contava com 48 anos de idade. Deixou uma filha ainda pequena e Esposa. Que o nosso bom DEUS em sua infinita Sabedoria e Bondade Abençoe a Alma no nosso Estimado Amigo e lendário Chefe Escoteiro do Ar ALCIDES GABRIEL BRANCO,em bom lugar aí no Reino de DEUS de miserícordia Saudades de Seus Lobinhos, Escoteiros, Sêniores, Pioneiros e Chefes. Nota: O Lendário Chefe ALCIDES GABRIEL BRANCO , foi Escoteiro, Sênior ,Pioneiro Chefe de seção e mais tarde Chefe Geral do Grupo Escoteiro do Ar 30/SP BARTOLOMEU DE GUSMÃO localizado no bairro do carandirú na cidade de São Paulo SP Saudades Saudades!!

segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

460 ANOS - 25 DE JANEIRO DE 2014 - ANIVERSÁRIO DE FUNDAÇÃO DA CIDADE DE SÃO PAULO

Os padres jesuítas José de Anchieta e Manoel da Nóbrega subiram a Serra do Mar, nos idos de 1553, a fim de buscar um local seguro para se instalar e catequizar os índios. Ao atingir o planalto de Piratininga, encontraram o ponto ideal. Tinha “ares frios e temperados como os de Espanha” e “uma terra mui sadia, fresca e de boas águas”. Os religiosos construíram um colégio numa pequena colina, próxima aos rios Tamanduateí e Anhangabaú, onde celebraram uma missa. Era o dia 25 de janeiro de 1554, data que marca o aniversário de São Paulo. Quase cinco séculos depois, o povoado de Piratininga se transformou numa cidade de 11 milhões de habitantes. Daqueles tempos, restam apenas as fundações da construção feita pelos padres e índios no Pateo do Colegio.

sábado, 18 de janeiro de 2014

73 ANOS DE CRIAÇÃO DO MINISTÉRIO DA AERONÁUTICA - 20 de Janeiro de 1941

A criação do Ministério da Aeronáutica e as Forças Aéreas Nacionais, com a fusão do Corpo de Aviação da Marinha e a Arma de Aeronáutica do Exército, ocorreu em 20 de janeiro de 1941. Quatro meses mais tarde. em 22 de maio de 1941, as Forças Aéreas Nacionais passam a denominar-se FORÇA AÉREA BRASILEIRA (FAB). Inicialmente seu acervo foi constituído pelo equipamentos existentes nas duas armas aéreas, Marinha e Exército, composto de uma variada gama de aviões procedentes de diversos países, como Estados Unidos, Inglaterra, França, Itália, além de alguns aviões produzidos no Brasil em caráter experimental e alguns seriados. A Segunda Guerra Mundial será o marco divisor para a modernização e a tentativa de implantação de uma indústria aeronáutica local. Com a entrada dos Estados Unidos na guerra, em 1941 e o Brasil em 1942, e a importância da costa brasileira - no norte do país - para o esforço de guerra dos aliados, onde diversas bases americanas foram construídas, a FAB passa a receber modernos aviões para as mais variadas funções, como caças, bombardeiros, patrulha, etc. Este é sem dúvida o seu momento de consolidação e glória, formando nos Estados Unidos diversos pilotos que serão os multiplicadores no seu crescimento e culminado com a participação do 1º Grupo de Aviação de Caça e a 1ª Esquadrilha de Ligação e Observação no teatro de operações europeu onde participou na Campanha da Itália em 1944 e 1945, único país da América do Sul. Vale lembrar que o México participou com um Grupo de Aviação no teatro do Pacífico ao lado dos americanos. Outro fator importante foi a sua participação na Campanha do Atlântico Sul ao longo da costa brasileira, chegando inclusive a afundar submarinos do eixo, a partir de 1942. Com o fim da guerra, e a grande fartura de material aeronáutico excedente, a FAB passa a receber grande quantidade dos Estados Unidos, o que de certa forma gera o fim da indústria aeronáutica no Brasil, ficando mais cômodo e barato importar do que fabricar.

terça-feira, 7 de janeiro de 2014

07 de Janeiro de 2014 - hoje faz 2 dois anos de passamento de minha querida Mãe " JULIETA SAGHI CHAHUD "

07 de Janeiro de 2014 hoje lembramos com maior saudades de minha querida Mãe “ JULIETA SAGHI CHAHUD “ hoje mamãe , faz 2 dois anos de passamento , saudades mamãe querida. Quantas saudades de vossos ensinamentos, vossos conselhos, vossas orientações, dois momentos que conversávamos durante as manhãs ou durante o dia ou mesmo a noite ,dos nossos momentos que passávamos jogando cartas na varanda da casa ,dos pássaros que a senhora mamãe tendo amava e apreciava,quantas saudades destes momentos de manhãs e tardes ensolaradas . Lembro-me do tempo em que eu e a senhora mamãe fazíamos um passeio no shopping de Santana ,na praça de alimentação e sempre fazíamos uma visita a sua irmã que mora em Santana. Lembro-me com saudades da vossa imagem do seu jeito todo próprio de conversar comigo as vezes me dando uma bronca por isso ou aquilo., mais também lembro-me da vossa preocupação comigo quando eu atrasava para chegar em casa ou mesmo quando chovia muito e eu estava sem guarda chuvas ,quantas saudades mamãe eu sinto da senhora minha querida e amada mamãe. O Mais importante mamãe é que eu sempre disse a senhora o quanto a senhora era importante na minha vida, e do quanto eu amava a senhora ,eu sempre disse isso a senhora ,hoje eu digo o quanto a senhora me faz falta mamãe. Mais DEUS de misericórdia com certeza esta abençoando a vossa ALMA aí no Céu meu bem, para todo o sempre e para toda a eternidade mamãe. Com certeza a vossa memória e a vossa imagem será lembrada com muito amor e elevado carinho e doçura ,até o final dos meus dias aqui na terra. Hoje na Missa na Igreja Nossa Senhora da Salette ,o padre falou sobre são joão e suas palavras divinas. Eu seu filho vou sempre reverenciar a vossa memória mamãe ,e lembrar dos momentos lindos e maravilhosos que vivenciamos juntos meu bem ,minha querida mamãe !! Saudades mamãe de seus filhos,netos,genro e bis neta !! LOUVADO SEJA O SANTO NOME DO SENHOR NOSSO BOM DEUS DE MISERICÓRDIA!! Amém !!

sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

TREM DA VIDA !!

TREM DA VIDA!! Você já viajou de trem alguma vez? Numa viagem de trem podemos notar uma grande diversidade de situações, ao longo do percurso. E a nossa existência terrena, bem pode ser comparada a uma dessas viagens, mais ou menos longa. Primeiro, porque é cheia de embarques e desembarques, alguns acidentes, surpresas agradáveis em alguns embarques e grandes tristezas em algumas partidas. Quando nascemos, entramos no trem e nos deparamos com algumas pessoas que desejamos que estejam sempre conosco: são nossos pais. Infelizmente, isso não é verdade; em alguma estação eles descerão e nos deixarão órfãos de seu carinho, amizade e companhia insubstituíveis... Mas isso não impede que durante a viagem outras pessoas especiais embarquem para seguir viagem conosco: são nossos irmãos, amigos, amores. Algumas pessoas fazem dessa viagem um passeio. Outras encontrarão somente tristezas, e algumas circularão pelo trem, prontas a ajudar a quem precise. Muitas descem e deixam saudades eternas... Outras passam de uma forma que, quando desocupam seu acento, ninguém percebe. Curioso é constatar que alguns passageiros, que nos são caros, se acomodam em vagões distantes do nosso, o que não impede, é claro, que durante o percurso nos aproximemos deles e os abracemos, embora jamais possamos seguir juntos, porque haverá alguém ao seu lado ocupando aquele lugar. Mas isso não importa, pois a viagem é cheia de atropelos, sonhos, fantasias, esperas, despedidas... O importante, mesmo, é que façamos nossa viagem da melhor maneira possível, tentando nos relacionar bem com os demais passageiros, vendo em cada um deles o que têm de melhor. Devemos lembrar sempre que, em algum momento do trajeto, eles poderão fraquejar e, provavelmente, precisemos entendê-los, porque nós também fraquejaremos muitas vezes e, certamente, haverá alguém que nos entenda e atenda. A grande diferença, afinal, é que no trem da vida, jamais saberemos em qual parada teremos que descer, muito menos em que estação descerão nossos amores, nem mesmo aquele que está sentado ao nosso lado. É possível que quando tivermos que desembarcar, a saudade venha nos fazer companhia... Porque não é fácil nos separar dos amigos, nem deixar que os filhos sigam viagem sozinhos. Com certeza será muito triste. No entanto, em algum lugar há uma estação principal para onde todos seguimos... E quando chegar a hora do reencontro teremos grande emoção em poder abraçar nossos amores e matar a saudade que nos fez companhia por longo tempo... Que a nossa breve viagem seja uma grande oportunidade de aprender e ensinar, entender e atender aqueles que viajam ao nosso lado, porque não foi o acaso que os colocou ali. Que aprendamos a amar e a servir, compreender e perdoar, pois não sabemos quanto tempo ainda nos resta até à estação onde teremos que deixar o trem. Pense nisso! Se a sua viagem não está acontecendo exatamente como você esperava, dê a ela uma nova direção. Se é verdade que você não pode mudar de vagão, é possível mudar a situação do seu vagão. Observe a paisagem maravilhosa com que Deus enfeitou todo o trajeto... Busque uma maneira de dar utilidade às horas. Preocupe-se com aqueles que seguem viajem ao seu lado... Deixe de lado as queixas e faça algo para que a sua estrada fique marcada com rastros de luz... Pense nisso... E, boa viagem!

SALMO 91 - BIBLIA SAGRADA

Salmo 91 narrado por Cid Moreira.